fbpx

Cuidados que devem ser tomados ao comprar veículos usados

saiba os riscos de comprar veículos usados

Comprar carro usado pode ser uma boa alternativa, principalmente para quem não tem condições financeiras de adquirir um carro zero. Algumas pessoas também optam por veículos usados pela possibilidade de ter um modelo mais completo por um preço mais barato.

Mas, como em quase todas as transações, pode haver alguns riscos que devem ser evitados com atenção e cuidados. O básico, claro, é observar o estado de conservação do veículo. Para isso, é possível fazer uma solicitação ao vendedor: uma vistoria cautelar.

O que é vistoria cautelar

É um serviço que vai analisar peças e partes do carro para confirmar se são originais ou se sofreram alguma adulteração. Entre o que é fiscalizado estão: motor, vidro, câmbios e numeração do chassi, por exemplo. É direito do consumidor pedir para que o vendedor pague esse tipo de serviço — que, diga-se, não é obrigado a aceitar.

Veículos usados: direitos do consumidor

Sobre os direitos de quem compra um carro usado, vale destacar que eles são regidos por códigos diferentes, baseado no tipo de compra. O Código de Defesa do Consumidor protege quem compra diretamente de uma empresa — uma concessionária, por exemplo –, já o Código Civil é quem rege as em caso de negociação entre duas pessoas.

Documentação é essencial

Entre os cuidados ao comprar veículos usados, é importante conferir a documentação, independentemente de como é realizada a negociação. Peça um documento de transferência; e exija o CRV (Certificado de Registro do Veículo) e um documento comprovando o licenciamento e pagamento do IPVA e DPVAT.

Faça uma consulta veicular

Esse é um ponto primordial para evitar riscos ao adquirir um carro usado. Com uma consulta veicular, como as oferecidas pela Consultas Prime, você terá muito mais segurança na hora de comprar, pois saberá se o carro tem histórico problemático, se foi roubado, se está financiado e se há bloqueios administrativos, por exemplo.

Em uma consulta completa, são os seguintes dados (também é possível realizar consultas avulsas, baseadas em dúvidas específicas).

Base estadual

Ideal para saber se o veículo tem restrição, débito, multa e financiamento ativo. É informado onde a placa está cadastrada, com as informações do DETRAN.

Roubo e furto

Caso o veículo já tenha sido roubado ou furtado, será indicada a data de ocorrência, e, caso haja, a data de devolução.

Leilão, indício de sinistro e agregados

Tudo sobre esses dados e registros também são fornecidos na consulta veicular completa oferecida pela Consultas Prime.

O que pode acontecer em caso de desatenção

Se você não ficar atento na hora de comprar um veículo usado, certamente correrá riscos — desde os menores, até outros mais graves. Se você, sem a consulta veicular, não estiver sabendo, por exemplo, que o carro tem um histórico de roubo ou furto, poderá responder a algum processo criminal, tendo de explicar que você não faz parte do crime. Ou, então, poderá se sentir enganado no caso de a quilometragem ser muito maior do que lhe foi passada no momento da venda. Confira outros riscos.

Problemas para passar adiante

Caso o veículo adquirido esteja penhorado, você não conseguirá transferi-lo para o seu nome e, consequentemente, também não poderá revendê-lo. 

Chamado de recall

Se esse serviço não tiver sido feito pelo dono anterior, você poderá ter problemas com segurança na hora de dirigir o carro.