fbpx

Licenciamento

O que é CRLV? Qual é a diferença entre CRV e CRLV?

Sabemos que CRLV e CRV são siglas extremamente parecidas e que geralmente confundem os condutores dos veículos, por isso nós, da Consultas Prime, viemos esclarecer qual a diferença entre o CRLV e CRV.

Ainda que as siglas sejam parecidas, elas possuem funções totalmente diferentes, mas que são imprescindíveis para o veículo.

Portanto, o CRV é como se fosse um documento de venda do carro, já o CRLV garante que o veículo esteja regularizado de acordo com todas as normas estabelecidas pelo CONTRAN.

Todos os dois documentos agora apresentam versões digitais, que tornam eles mais fáceis de serem acessados online. Tal qual o CRLV, por exemplo. Ele não está sendo enviado mais pelo DETRAN de alguns estados e, com a disposição desse documento online, fica mais simples acessar, fazer o download e imprimir.

Desta forma, você pode acessar as informações do documento através do Consultas Prime e, assim, emitir o CRLV.

Agora vamos destrinchar como funciona cada documento e quais são as diferenças entre eles.

O que é o CRLV

O significado da sigla CRLV é: Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo. Como resultado, esse documento traz as seguintes informações sobre o veículo: ano, modelo cor, qual o tipo de veículo, ano de fabricação, número do RENAVAM, número da placa e do chassi, além dos dados do IPVA e do DPVAT, entre outras coisas.

Juntamente com isso, o CRLV precisa ser renovado todo ano e a emissão do documento pode ser feita na Consultas Prime. Esse documento é primordial para que você possa circular com o carro em qualquer lugar do Brasil. Fora a Carteira Nacional de Habilitação, o CRLV é o único documento que é exigido por lei. Por isso, é muito importante emiti-lo na Consultas Prime.

Como fazer a emissão CRLV?

Primeiramente, fazer a emissão do CRLV/CRLV-e pelo site da Consultas Prime é bem simples.

No entanto, o CRLV-e “somente será expedido após a quitação dos débitos relativos a tributos, encargos e multas de trânsito e ambientais, vinculados ao veículo, bem como o pagamento do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestres (DPVAT)”, de acordo com o art. 4º da RESOLUÇÃO CONTRAN Nº 809 do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN). Resumindo, o CRLV só poderá ser emitido se houver o pagamento de todos os débitos existentes, sejam multas, IPVA ou DPVAT.

Além disso, após a quitação dos débitos, você pode acessar o site da Consultas Prime para emitir o CRLV. Você irá clicar em “Consulta Veicular”, que fica localizada na parte superior da página principal do site. Nas opções que estão disponíveis no site, será mostrada a opção “Licenciamento Digital (CRLV-e)”. Após o pagamento, utilize o número da placa ou do chassi para realizar sua consulta e acessar o documento.

Do mesmo modo, o CRLV será mostrado na tela do seu computador e, para que você consulte as informações, faça o download do documento ou imprima (emissão CRLV) pelo site da Consultas Prime.

É obrigatório imprimir a Emissão CRLV?

Primeiro de tudo, ao emitir CRLV na Consultas Prime não é necessário que o documento seja impresso, já que o motorista pode acessar este documento através do próprio smartphone. No entanto, para quem prefere o formato impresso, também é fornecido o documento CRLV neste formato através da Consultas Prime.

Apesar da versão digital ser aceita, é sempre importante estar precavido e ter em mãos a versão impressa, caso algo aconteça com a bateria do seu celular na hora de uma fiscalização. Desta forma, você estará seguro se acontecer algum imprevisto.

O que é CRV

Certificado de Registro de Veículo (sigla CRV) é o documento referente ao primeiro emplacamento do veículo. O certificado de registro do veículo informa os seguintes dados: a marca do carro, modelo, ano em que foi fabricado, código RENAVAM, Chassi e placa do veículo.

Além disso, ele pode informar os dados do primeiro proprietário, assim como os dados do proprietário atual. Os dados são os seguintes: nome, assinatura e endereço do ex e atual proprietário do carro. Algumas pessoas ainda chamam de DUT (Documento Único de Transferência), apesar de a nomenclatura ter sido substituída por CRV faz um bom tempo.

Qual a função do documento CRV?

O Certificado de Registro de Veículo tem a função registrar a posse do veículo, fazendo a comprovação de que ele está registrado adequadamente no DETRAN.

Além disso, esse registro é obrigatório para que possa haver a circulação do veículo. O CRV possibilita também a transferência de proprietário. Em outras palavras, quando um carro usado é vendido ou comprado, é por meio deste documento que haverá a transferência de um dono para o outro.

CRV digital

Primeiro de tudo, de acordo com a Resolução n° 809 do Conselho Nacional de Trânsito, como apontamos anteriormente, agora os documentos de registro e de transferência de veículos ficam dispostos de forma digital, sendo eles, o CRV, o CLA e o antigo DUT, atualmente como comprovante de transferência de propriedade.

“O CRV e o CLA serão integrados ao CRLV-e (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo) e o DUT se desvincula do CRV e se transforma na ATPV-e (Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo)”, como foi informado pelo portal de notícias R7. O ministério de infraestrutura diz que essa decisão vale para condutores que registraram seus veículos desde janeiro de 2021. Os documentos que foram expedidos antes desse período continuam valendo.

Onde fica o CRV no documento

A emissão do Certificado de Registro do Veículo é feita em conjunto com o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo. Nesse sentido, caso você tenha a versão física do documento, vai encontrar no verso dele, a parte que tem espaço para preenchimento quando ocorrer alguma compra ou venda de carro.

Onde localizar o código de segurança CRV

Primeiro de tudo, o código de segurança do CRV fica localizado na parte superior direita do CRV nas duas versões, física ou digital. Esse código possui 11 caracteres e serve como uma espécie de senha para os donos de veículos. Portanto, é nesse momento que é preciso saber a diferença entre o documento CRV e o CRLV, porque algumas pessoas acabam confundindo os códigos numéricos.

Desta forma, quando o proprietário acessar pela primeira vez o CRLV-e pelo site da Consultas Prime, o código de segurança do CRV será exibido, então não se confunda.

Diferença entre CRV e CRLV

A principal diferença entre CRV e CRLV está na função que cada documento apresenta. O CRLV é obrigatório e serve como prova de que o veículo está em bom estado, por isso deve ser renovado de ano em ano.

O CRV, por outro lado, é um documento que é homologado no momento da primeira compra do carro e que deve sempre renovado caso haja alteração nas informações referentes ao veículo.

Apesar de não ser obrigado o condutor estar portando CRV, o Código de Trânsito prevê que ele esteja em mãos em caso de transferência de propriedade do veículo e prevê multa caso haja irregularidades.

Apesar de serem diferentes, para haver a expedição de um novo CRV e CRLV, todos os débitos e multas não pagas do carro, além do IPVA e DPVAT, precisam determinante estarem quitados. Dessa forma, se o IPVA e DPVAT não forem pagos, não será possível a expedição do novo documento CRLV ou CRV, caso necessário.

Caso você precise transferir o veículo para outro proprietário, o Código de Trânsito Brasileiro prevê que o novo proprietário precisa tomar as devidas providências para efetivar a expedição do novo CRV em até 30 dias úteis. Como resultado, o condutor estará passível de multa, podendo haver medida administrativa ou até mesmo a apreensão do veículo.

Consulte informações de veículo de forma fácil na Consultas Prime

Assim como a Consultas Prime oferece a opção de consultar um veículo através do chassi, existem muitas outras opções de consultorias. Você pode consultar roubos, gravame e furtos, além de outros dados, também podendo escolher a melhor opção por meio de uma consulta completa do veículo – e você pode encontrar todos esses dados individualmente.

Desta forma, você sempre pode escolher quantos dados deseja obter. Normalmente, você consegue fazer consulta sobre o veículo através do chassi. Porém, quando você precisar de uma pesquisa mais completa, saiba que a Consultas Prime também oferece essa opção.

A <a href=”https://compra.consultasprime.com/checkout?skipToCheckout=1

Consultar pendencias veiculo e ficar de olho no carro

Consultar pendencias veiculo e ficar de olho no carro

Antes de negociar um veículo é importante quitar as dívidas para que a regularização esteja garantida ao novo dono. Mas como Consultar pendencias veiculo e ficar de olho no carro nesta questão burocrática e evitar dores de cabeça?

Para que isso não ocorra é preciso estar atento. Caso a dívida esteja em atraso por muito tempo o proprietário pode sofrer algumas consequências, entre elas multas e inscrição na Dívida Ativa do governo.

Além do IPVA, existem algumas dívidas que os proprietários precisam quitar, como seguro DPVAT (Danos Pessoais causados por Veículos Automotores Terrestres) e eventuais infrações de trânsito.

Portanto, é fundamental verificar se há alguma dívida financeira ou na Justiça.

Principais dívidas dos veículos ao Consultar pendencias veiculo

É importante ter claro que, além de causar dores de cabeça, os impostos em aberto depreciam o valor de avaliação de um veículo. Os valores, como impostos e taxas, são um fator que impede o prosseguimento do processo de transferência de dono. Portanto, é importante que o proprietário tenha ciência das suas obrigações e cumpra.

realize agora a sua consulta
Comprar Credito consultas prime

IPVA

O IPVA é o Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor. O valor é pago aos estados e a cobrança ocorre anualmente. Acima de tudo, o preço é calculado segundo a avaliação do veículo e leva em consideração a depreciação que ocorre com o tempo de uso relacionada à data de fabricação.

Caso este valor esteja em atraso, serão cobrados juros a cada dia. Além disso, o proprietário corre o risco de ter o nome inscrito na dívida ativa. A inadimplência faz o licenciamento anual ser realizado.

No Estado de São Paulo, por exemplo, o motorista com o valor atrasado recebe multa de 0,33% por dia de atraso e juros de mora com base na taxa Selic. Quando passa de 60 dias de atraso o percentual da multa passa a ser de 20% do valor do imposto.

Então saber como Consultar pendencias veiculo como o IPVA é muito imporante.

Procuradoria Geral do Estado

Caso o débito de IPVA exista por muito tempo, a Procuradoria Geral do Estado provavelmente virá cobrá-lo mediante protesto.

A dívida de IPVA não é motivo para multa ou restrição ao direito de dirigir. A questão é que sem o imposto pago não há como fazer o licenciamento. Isso sim causa graves problemas para o motorista. Há risco de ter o veículo apreendido até a regularização.

Alguns veículos estão isentos do pagamento de IPVA por conta de regras de acordo com o Estado. Em São Paulo, por exemplo, as regras são divididas em imunidade, isenção e dispensa de pagamento.

São imunes de pagamento os veículos de órgãos públicos dos governos federal, estaduais e municipais. Os partidos políticos e entidades sindicais da mesma forma, recebem o benefício.

Já para ter direito à isenção total, o veículo precisa possuir mais de 20 anos de fabricação. Estão nesta lista também taxistas, pessoas com deficiência, igrejas, entidades sem fins lucrativos, veículos oficiais e ônibus/micro-ônibus urbanos.

Se enquadram no quesito de dispensa de pagamento os veículos que passaram por situações como furto ou roubo, leilão de veículo como sucata, desaparecimento ou perecimento de veículos, apreensão judicial e sequestro.

Licenciamento

Da mesma forma, o licenciamento é uma dívida cobrada todos os anos. Este imposto serve para cobrir os valores gastos na emissão da documentação do veículo. Não existe regra padrão quanto ao valor, portanto cada Estado estipula um preço para os carros registrados em seus territórios.

O pagamento do imposto valida se o veículo está ou não dentro das normas de segurança e normas ambientais da área automotiva.

A posse do CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos) em dia permite ao motorista o tráfego livre. No documento consta o número do veículo, sua emissão é feita segundo cada Estado brasileiro.

O não pagamento do licenciamento é considerado uma infração gravíssima, com multa e a aplicação de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Multas ao Consultar pendencias veiculo

São aplicadas multas com o intuito de punir os motoristas que causam infrações de trânsito. Os valores variam de acordo com a gravidade da infração: seja leve, média, grave ou gravíssima.

A tabela de preços aplicados sofre reajustes de acordo com as mudanças na lei e o endurecimento de regras de trânsito.

As multas atrasadas podem causar uma grande dor de cabeça aos motoristas. Não é permitido o licenciamento do veículo. Não é permitida a transferência de propriedade, visto que a multa está ligada ao veículo e não ao condutor; e o nome do motorista fica inscrito na dívida ativa.

Mais uma maneira de Consultar pendencias veiculo para ver as possíveis multas, no site da Consultas Prime com uma solução completa de consultas veicular.

Seguro DPVAT

O Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres é usado para indenização de vítimas de acidente de trânsito. Parte deste valor também é destinado ao Ministério da Saúde, o intuito é custear atendimento médico-hospitalar de vítimas de acidentes de trânsito.

Se este valor ficar em aberto o proprietário deixa de ter direito ao seguro caso ocorra um acidente. Isto quer dizer que o condutor fica desprotegido, mas os demais permanecem com a proteção do seguro.

Dívida por atraso de pagamento

Quando um veículo é negociado por meio de um financiamento com a modalidade de alienação fiduciária, caso esteja com suas parcelas atrasadas por muito tempo, a financeira ou o banco podem abrir um processo de busca e apreensão na esfera jurídica.

Valores das dívidas – Consultar pendencias veiculo

Porém, no sistema do Detran, não há informações de valores das dívidas ou outros detalhes relacionados à pendência. Portanto, pelo sistema somente é possível ver se o veículo está ou não alienado.

Como saber de forma detalhada as dívidas dos veículos

No Brasil, a média anual de carros roubados é de 523 mil. Com este dado podemos concluir que ocorre um roubo de carro por minuto no território nacional. Ao sofrer um roubo, o veículo está sujeito as mais diversas depreciações. Um veículo que tem este histórico pode ter o valor reduzido em até 30%.

Como a compra de um veículo é um valor alto, que muitas vezes exigiu meses ou anos de economias, é importante que o comprador esteja munido com o máximo de informações antes de fechar a compra. Essas informações mais detalhadas e essenciais vão definir se o carro está ou não com dívidas e se a aquisição vale ou não a pena.

No site, a Consultas Prime oferece a possibilidade de que você faça uma análise completa do veículo. Entre as informações é possível levantar informações sobre as características do veículo como:

  • Número de RENAVAM e chassi;
  • Quais são os bloqueios administrativos sobre o veículo;
  • Se o veículo está cadastrado na base de dados de leiloeiros;
  • Se teve algum sinistro integral;
  • Veículo já foi roubado ou furtado.

Agora que você viu como Consultar pendencias veiculo e ficar de olho no carro e as principais dívidas dos veículos faça uma consulta e evite dores de cabeça.

Verificar Dívida ativa na consulta veicular

Verificar Dívida ativa na consulta veicular

Se você quer comprar um carro, é fundamental que possa ter certeza de que está investindo seu dinheiro em um bem que não possua qualquer pendência. Para isso, torna-se indispensável consultar se existe alguma dívida ativa no veículo, garantindo mais tranquilidade e segurança durante a transação. Portando aprenda como Verificar Dívida ativa na consulta veicular e durma tranquilo.

Em contraste, poucas pessoas sabem da verdadeira importância de realizar esta consulta de dívida ativa na consulta veicular. E, consequentemente, negligenciam esta etapa tão necessária e que pode acarretar diversos problemas futuros, uma vez que não seja realizada no momento ideal.

Como resultado e pensando no seu bem-estar financeiro, a Consultas Prime vai auxiliá-lo durante este processo. Vamos explicar o porquê de checar se existe uma dívida ativa na consulta veicular, o que seria esta pendência e como realizar esta análise. Confira.

Entendendo o que é uma dívida ativa

Primeiro de tudo, existem inúmeros valores que precisam ser pagos ao Governo, como os tributos, as multas e até mesmo diferentes taxas que são cobradas da população. No entanto, uma vez que isso não é quitado, a quantia em questão pode se transformar em uma dívida ativa (do veículo ou não).

comprar credito consulta veicular
comprar credito consulta veicular

Consequentemente, o órgão pode registrar o CPF ou o CNPJ deste indivíduo inadimplente em um cadastro devedor, como a Serasa ou SCPC. Assim, é criado uma espécie de cadastro que vai reunir todos os dados acerca deste sujeito que mantém o débito. Logo, colocando-o nesta condição de possuir uma dívida ativa do veículo ou do que estiver em aberto.

Uma vez que este registro tenha ocorrido e que a Procuradoria Geral tenha sido informada, ela irá emitir uma certidão que ateste esta condição. Como resultado, o Governo poderá começar a cobrar a quantia de forma legal, exigindo o pagamento da dívida ativa do veículo.

Os diferentes tipos de dívida ativa e qual se aplica ao veículo

Certamente, muitos acreditam que a dívida ativa é apenas uma. No entanto, a realidade é que ela pode se dividir em dois tipos: a tributária e a não tributária. E ambas podem se encaixar no conceito da dívida ativa na consulta veícular. Dúvida? A Consultas Prime lhe mostra que é possível.

A tributária está relacionada, como o próprio nome diz, aos impostos que precisam ser pagos. Mais digno de nota, é possível dizer que a dívida ativa do veículo se enquadra neste requisito, uma vez que o IPVA corresponde a um destes tributos.

Da mesma forma, a não tributada corresponde diretamente a outras questões que não sejam impostos. Aqui, caberiam, por exemplo, multas, aluguéis, indenizações e outros pormenores. Ainda assim, é possível afirmar que existe uma dívida ativa do veículo neste contexto, graças às multas de trânsito que se adequam a esta categoria.

A dívida ativa relacionada ao IPVA

O Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor (IPVA) é uma espécie de tributo do estado que deve ser quitado pelos donos dos automóveis. Dessa maneira, seu valor é utilizado para diferentes finalidades públicas, especialmente as voltadas para o transporte da região.

Comprar Credito consultas prime
Comprar Credito consultas prime

Como resultado, uma vez que o indivíduo opte por não quitar esta quantia, ele pode sofrer uma série de sanções. É o caso de ser inscrito na dívida ativa do veículo, ter o CPF restrito, ser impedido de licenciar o carro e até encontrar dificuldades para conseguir crédito.

Além disso, uma vez que o motorista seja flagrado dirigindo com um atraso no IPVA, ele ainda estará vulnerável à multa e apreensão do carro. Isso tudo porque cometeu uma infração gravíssima.

Os motivos para atentar-se a este fator

Ao decidir comprar um carro, Verificar Dívida ativa na consulta veicular, como dito anteriormente, é importante para que você se mantenha atento para a existência ou não de uma dívida ativa no veículo. Portanto, redobrar os cuidados é indispensável por uma série de motivos, não apenas pela questão financeira.

A realidade é que, quando há uma dívida ativa no veículo, o indivíduo pode estar exposto a uma série de problemas, como ter a multa transferida para si, uma vez que é considerado o novo dono. Além disso, você ainda pode ter dificuldades para licenciar o veículo, para colocá-lo em seu nome e encarar multas por atraso com valores altíssimos.

Logo, é primordial realizar uma consulta veicular antes de começar as transações financeiras com o vendedor e se certificar de que tudo está em ordem. Consequentemente, para se precaver de que não há qualquer dívida ativa no veículo, uma alternativa é contar com o apoio da Consultas Prime.

Como realizar a verificação com o auxílio da Consultas Prime

Para checar se existe uma dívida ativa no veículo de seu interesse, você pode realizar uma consulta IPVA, desde que possua o CPF do indivíduo em questão. Para tal, basta acessar a página da Secretaria da Fazenda da região e inserir todos os dados necessários solicitados.

Em contraste, um serviço como este pode ser bem limitado acerca de quais os problemas reais que o carro possui e acabar te mostrando apenas a “ponta do iceberg”.

Por isso, uma estratégia ainda mais assertiva é contar com o auxílio de uma empresa que possa identificar muito mais do que apenas a dívida ativa do veículo. E este, caro leitor, é o caso da Consultas Prime.

Conte com a Consultas Prime

Isso porque a Consultas Prime fornece uma série de análises online para que você possa verificar diferentes informações acerca do carro de seu interesse. Como resultado, você terá acesso ao histórico, à existência de dívida ativa do veículo e muito mais.

Basta acessar o site da companhia e permitir que nós, como distribuidores autorizados da Serasa Experian, façamos todo o trabalho por você. A Consultas Prime atende em todo o território nacional e pode te oferecer serviços como:

  • Consulta completa do veículo;
  • Consulta da base estadual;
  • Localização do veículo por CPF ou CNPJ;
  • Consulta de Gravame;
  • Consulta de Renajud;
  • Consulta sobre Leilão;
  • Consulta sobre Roubos e Furtos;
  • Localizador do Motor.

Que tal ter acesso a tudo isso por um valor que cabe no seu bolso? Confira agora se o carro dos seus sonhos tem uma dívida ativa no veículo. Acesse a página e saiba mais!

Comprei carro com chassi adulterado

Comprei carro com chassi adulterado

Segundo a Associação Nacional de Veículos Automotores (ANFAVEA), cerca de 89% dos brasileiros desejam comprar carro. Desses, 68% afirmam que pretendem adquirir um carro usado. Entretanto, o sonho do carro próprio pode ser frustrado caso veículo tenha chassi adulterado.

Certamente, a compra de um carro novo exige muita cautela. As pessoas costumam se programar para adquirir um veículo durante meses. Contudo, na expectativa de conseguir um automóvel, muitas dessas pessoas acabam focando mais na parte financeira. Logo, quando o tão esperado dia chega, detalhes técnicos importantes são ignorados. Como por exemplo pensar na possibilidade do veiculo estar com o chassi adulterado.

Além disso, comprar um carro tornou-se ainda mais difícil com a chegada da pandemia causado pelo Covid-19, sobretudo para quem precisa de crédito para financiar. Logo, quando surge a oportunidade, o comprador pode se deixar levar pela empolgação e cair em uma cilada.

O que é chassi e qual a sua utilidade?

O chassi é um conjunto formado por 17 caracteres que contém todas as informações acerca do automóvel. Por meio dele é possível saber o fabricante, a área geográfica, o modelo, a carroceria, entre outras informações importantes. Nós até escrevemos um post explicando mais detalhadamente como usar o decodificador de chassi, veja aqui…

Por isso, quando ocorre de ter um carro roubado, essa numeração é logo alterada para omitir a verdadeira origem do veículo, dificultando o reconhecimento pelas autoridades.

comprar credito consulta veicular
comprar credito consulta veicular

Acima de tudo, os caracteres do chassi devem ser exatamente iguais nas peças que compõem o carro. Ele pode ser encontrado na parte inferior do banco traseiro, no porta-malas, no banco do passageiro, nos vidros e no motor. Na maioria dos casos, além de adulterar o chassi, os bandidos também alteram toda a documentação carro.

Portanto, a adulteração do chassi é um crime bastante comum. Assim que roubam um veículo, os criminosos costumam raspar os 17 caracteres para omitir informações a respeito da identificação do veículo e revendê-lo. Neste post, a Consultas Prime vai te dar dicas para te ajudar a identificar se o automóvel teve o número do chassi adulterado e o que fazer nesses casos. Então neste post você não vai correr o risco de ter que falar esta frase infeliz: “Comprei carro com chassi adulterado” !

Como identificar o chassi adulterado?

O chassi pode ser adulterado de muitas formas. A numeração pode ser raspada, polida ou os criminosos podem dar um acabamento falso e inserir uma numeração diferente. Para identificar um chassi adulterado, o comprador precisa olhar o lado interno da chapa para garantir que ela não está com uma textura diferente do lado oposto.

Além disso, antes de fechar negócio, o comprador precisa conferir se a numeração é a mesma que está no banco traseiro, no porta-malas, no banco do passageiro, nos vidros e no motor. Outra dica é consultar o Decodificador de Chassi ou mesmo a Consulta veicular no site Consultas Prime, pois esse site oferece um serviço de busca mais completo.

Talvez, identificar o chassi adulterado não seja uma tarefa muito fácil, é necessário tempo e paciência, além de atenção aos detalhes. No entanto, é preciso levar em consideração os riscos de ter o carro apreendido em uma operação policial ou não conseguir legalizar o automóvel com os órgãos reguladores. Então a maneira mais fácil de validar o chassi é utilizando a Consulta Decodificador de Chassi da Consultas Prime.

Consulte placa de carro na Consultas Prime

A placa de carro é também uma forma de garantir que a situação do veículo está regular. A placa é registrada pelo Departamento Nacional de Trânsito e permite acessar o histórico de vistorias do carro por meio de uma busca na internet. A Consultas Prime, por exemplo, possibilita o acesso às informações a respeito do veículo de maneira simplificada.

Da mesma forma, esse tipo de consulta veicular é essencial para verificar se o carro possui pendência financeira ou mesmo outras, e se há algum registro de ocorrência de roubo e furto envolvendo o veículo. Conforme já discutimos, trata-se de um processo que pode levar apenas alguns minutos, mas que é essencial para assegurar o comprador.

Finalmente, mas não menos importante, faça uma análise detalhada do aspecto físico da placa mercosul. Confira a furação do lacre, as condições do fio e se o código da placa de carro está em conformidade. Verifique se existem rebarbas e se há marcas ou amassados na placa.

Faça uma análise do motor com a consulta número de motor

Uma breve consulta número de motor pode revelar sinais de adulteração. Geralmente, a numeração fica registrada no bloco. Se o chassi tiver sido adulterado, o bloco pode apresentar desalinhamento da numeração, sinais de raspagens, marcas de rebites, amassados e perfurações.

Da mesma forma, a etiqueta de identificação do motor precisa ser analisada. Sinais de adulteração podem ser percebidos pela má distribuição da cola. As etiquetas também contêm o número do chassi e é semelhante às etiquetas que ficam no assoalho e na coluna.

Consulte a documentação

Mais um passo importante para evitar você dizer: Comprei carro com chassi adulterado é analisar a documentação do veiculo.

Mais conhecido como licenciamento, o Certificado de Registro de Licenciamento de Veículo (CRLV) é um documento essencial para manter o veículo regularizado. No entanto, é muito comum que veículos roubados sofram modificações junto às Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretran).

comprar credito consulta veicular
comprar credito consulta veicular

Portanto, para constatar se houve fralde, você não deve abrir mão do CRLV na hora da compra. Além disso, você precisa analisar o documento com cautela para ver se não há marcas de tinta, rasuras ou outras imperfeições.

Descobri que comprei carro com chassi adulterado, e agora?

Quando houver desconfiança ou ficar constatado que o chassi foi adulterado, você precisa comunicar as autoridades. Em alguns casos, é possível recuperar o carro que teve o chassi adulterado e fazer a remarcação, mas é necessário ter a autorização do Departamento Nacional de Trânsito.

Desvalorização Comercial com Chassi Adulterado

Consequentemente, o veículo sofre desvalorização comercial, mesmo que a remarcação seja permitida pelo órgão competente. Normalmente, o valor do carro com chassi remarcado pode cair em até 30%. Além disso, você pode encontrar dificuldade ao tentar renegociar o veículo.

Provavelmente, a prevenção é a melhor opção quando a adulteração do chassi do carro é constatada. Vale lembrar que o comprador pode até ser responsabilizado criminalmente por receptação, caso o veículo seja mesmo roubado.

Portanto, o mais indicado é buscar ajuda profissional, fazer a vistoria do veículo o mais rápido possível e realizar a consulta veicular na Consultas Prime. Há muitos casos em que o comprador foi ressarcido após a confirmação de que o carro teve o chassi adulterado, principalmente quando a compra tinha sido realizada em revendedoras de carros usados.

Além disso, devemos reforçar que é possível fazer a consulta veicular completa por meio da Consultas Prime. Confira aqui os planos de consulta

Referências:

https://doutormultas.jusbrasil.com.br/artigos/628509995/voce-sabe-o-que-e-o-crlv

https://www.sbt.com.br/jornalismo/sbt-brasil/noticia/143857-quase-90-dos-brasileiros-querem-comprar-um-carro-em-2020-diz-pesquisa

Consulta completa veículos